11.4186-2929 | 11.4186-4817
Janela do Aluno

Detalhes / Artigos

SAIBA COMO INVESTIR NO TEMPO LIVRE DE SEU FILHO

Em se tratando de educação, o Brasil ainda tem muito que evoluir e aprender com países que hoje são modelo neste quesito. Em diversos países como Finlândia, Coreia do Sul, Irlanda, Argentina e Chile, os alunos ficam em média nove horas por dia na escola, enquanto que aqui, a maioria dos alunos não fica mais do que cinco horas por dia. Isso interfere não só na qualidade da educação, como também no desenvolvimento e no futuro de nosso país.

Recentemente, um estudo feito com crianças entre 5 e 18 anos, realizado pela Sociedade para Pesquisa do Desenvolvimento da Criança, nos Estados Unidos, mostrou que estudantes que gastavam vinte horas por semana em cursos e aulas fora do horário escolar demonstraram melhor preparo educacional e psicológico. Pesquisas indicam também que a responsabilidade e a autonomia estimuladas nos cursos extracurriculares colaboram para um melhor rendimento escolar.

O que fazer com as crianças fora do horário da escola? Como preencher o tempo ocioso de seu filho? Essa é uma dúvida que hoje aflige muitos pais. Além da escola, é importante que a formação da criança seja complementada com atividades extracurriculares. Estas atividades ajudam no desenvolvimento de habilidades, de características pessoais, de conhecimentos e diferenciais que serão exigidos quando as crianças crescerem, como o Inglês e outros idiomas por exemplo.

Estimular a aprendizagem, as habilidades e o raciocínio significa aprimorar o desenvolvimento das crianças, o que resulta em adolescentes seguros e adultos melhores sucedidos.

Claro que lotar a agenda da criança, pode sobrecarregá-la e causar até aversão pelos estudos. A agenda da criança precisa ter um espaço livre para o lazer. Os pais não podem esquecer que crianças precisam de tempo livre para brincar e adolescentes, de pausa para descansar.  O tempo livre também é importante para a saúde mental. A criança deve poder escolher o que fazer nas horas livres, sem ter o compromisso da rotina.

Na hora de escolher os cursos é importante que os pais estejam atentos ao perfil da criança para saber quais atividades serão melhores para ela.

Os cursos extracurriculares oferecidos geralmente se en­­quadram em três categorias: intelectuais, esportivas ou corporais e artísticas. O ideal é que a criança pratique pelo menos uma atividade em cada esfera, isso a auxiliará muito em seu desenvolvimento global como ser humano.

Aprender a se expressar, a lidar com suas emoções, autoestima e a timidez podem ser trabalhadas em um curso de teatro, enquanto o raciocínio lógico, a criatividade e a concentração são desenvolvidos nas aulas de música, por exemplo.

Já as atividades intelectuais começam um pouco mais tarde, geralmente depois dos 4 anos, quando as habilidades linguísticas estão mais consolidadas. Para aprender um segundo idioma, como o Inglês, é importante que a criança já tenha bem articulada a língua mãe, no nosso caso o português, isso fará com que ela não desenvolva posteriormente nenhum problema ou dificuldade de fala, linguagem e escrita. Depois de alfabetizada, a criança pode reforçar o que é aprendido na escola e está apta a ser alfabetizada em outros idiomas. As aulas de natação podem começar a partir dos 6 meses com os pais e ajudam a desenvolver a coordenação motora, sociabilidade, a segurança e sobrevivência dentro da água.

Enfim, as atividades extracurriculares além de preencherem boa parte do tempo livre e do dia de seu filho, são excelentes opções para evitar que ele passe o dia sozinho em frente à televisão ou do computador. Vão contribuir ainda para o desenvolvimento das inteligências, capacidades, e consequentemente na qualidade da formação e do futuro profissional que ele irá escolher.  Agora que você já sabe a importância destas atividades, converse com ele a respeito, listem as opções e invista na educação  sempre! 

 

Anahid Fernandes
Psicopedagoga, especialista em Educação Infantil e pós graduada em Gestão de Pessoas, atualmente é mestranda em Neurociência aplicada à Educação pela Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo – FCMSCSP. Profissional da área da Educação há 23 anos e há 13 anos é Diretora Pedagógica da escola JANELA PARA O TALENTO, localizada na Granja Viana - SP

Assine nossa newsletter e fique por dentro de todos as nossas novidades!
Facebook
Estrada Tambaú, nº 3
Granja Viana - SP
Acesso pela Estrada da Aldeia 1560,
entrada pela Rod. Raposo Tavares km 22,5 - sentido Cotia.
© 2014 - Janela para o Talento - Todos os direitos reservados
Desenvolvido por:
Edm2 de Marketing